Home / NOTÍCIAS / AFTs de Barreiras sofrem novas ameaças anônimas

AFTs de Barreiras sofrem novas ameaças anônimas

Auditores-Fiscais do Trabalho da Gerência Regional do Trabalho e Emprego de Barreiras voltaram a ser ameaçados este ano. Um novo telefonema anônimo recebido pela GRTE foi registrado no dia 3 de março e fez ressurgir um clima de instabilidade entre os AFTs que desenvolvem atividade de fiscalização rural na região. O interlocutor citou dois auditores e disse que estariam “preparados” para quando eles retornassem ao local da fiscalização. 

Este é o terceiro episódio de ameaça aos Auditores-Fiscais lotados em Barreiras. A primeira foi em julho de 2013 e a segunda em fevereiro de 2014. O Safiteba e a Delegacia Sindical do Sinait na Bahia (DS/BA-Sinait), desde o início, acompanham o caso e no ano passado, em 16 de maio, participaram da audiência pública “Garantia dos direitos trabalhistas na atividade rural na região de Barreiras” que foi realizada na cidade com a presença do secretário de Inspeção do Trabalho, de sindicalistas e outras autoridades.

As ameaças sofridas em 2013 e 2014 foram denunciadas à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal. Em 2014, o caso também foi levado ao conhecimento da ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República – SDH/PR, Maria do Rosário, e ao Conatrae. Na época o quadro de AFTs chegou a ser reduzido na região após a remoção de quatro deles.

Após este terceiro episódio, a superintendente Regional do Trabalho de Salvador, Isa Simões, e o chefe do setor de Inspeção do Trabalho em Barreiras, Eduardo Vieira, encaminharam novo ofício para a Polícia Federal e para a Polícia Rodoviária Federal cobrando investigação do caso.

Veja Também

FORÇA1

Força-tarefa conclui resgate de lavradores em regime de escravidão em Porto Seguro

Os 39 trabalhadores resgatados em uma fazenda do distrito de Caraíva, município de Porto Seguro, ...

Deixe uma resposta

Facebook

Get the Facebook Likebox Slider Pro for WordPress